Por que temos que caber no que não cabe na gente?
Andressa Faria de Almeida
1945

Meu Deus. Que vergonha “alheia” dessa nossa humanidade. Ainda bem que existem pessoas como você, capaz de quebrar paradigmas ridículos como estes!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.