Você sabe o que são espaços de coworking?

Já pensou em trabalhar em um ambiente mais colaborativo, que fomenta a troca de ideias, o networking e a inovação? Então os espaços de coworking são o lugar certo pra você!

Não importa o tipo de empreendimento que você leva: diversidade é o que não falta nos coworkings. Compartilhar experiências no trabalho pode agregar muito mais conhecimento do que você imagina e a gente te explica o porquê!

Afinal, o que são espaços de coworking?

Os espaços de coworking configuram um modelo de trabalho diferente do convencional. Basicamente, eles possibilitam que profissionais independentes utilizem de um mesmo espaço para trabalhar.

Trabalhar sozinho pode muitas vezes levar a pessoa ao isolamento, o que não é bom nem para seu negócio, nem para seu bem-estar psicológico. Compartilhando um mesmo espaço, você não deixa de ser produtivo no trabalho e ainda tem contato com um ambiente muito mais agradável, o que pode te deixar bem mais satisfeito com seu desempenho profissional.

A ideia se assemelha à forma como as clínicas médicas funcionam, não é mesmo? Cada médico tem seu consultório de acordo com sua demanda, mas todos compartilham um mesmo espaço.

A diferença é que, num coworking, você não encontra apenas profissionais de uma mesma área. Você pode trabalhar com design e logo ao seu lado encontrar alguém que atua na área de contabilidade, arquitetura ou informática. Essa é uma ótima oportunidade de diversificar sua rede de contatos!

Como eles funcionam?

Muitos coworkings adotam um modelo parecido de funcionamento: você paga uma taxa mensal pelos serviços prestados, que vão desde cafezinho e boa conexão com a internet até recepcionistas que tornam o atendimento mais personalizado.

Geralmente, esses espaços contam tanto com uma área de trabalho compartilhada quanto com salas privativas, atendendo às mais diversas demandas. Se você precisar se reunir com um cliente, por exemplo, pode usar uma das salas de reunião do coworking!

Acima de tudo, os coworkings prezam pela ideia de compartilhar. Sendo assim, você sempre vai encontrar uma área de lazer nesses espaços. No mesmo local de trabalho, você já tem um lugar para fazer o happy hour! Isso promove o networking de forma muito mais fácil e natural, não acha?

Quais suas vantagens e desvantagens?

Ambiente descontraído x Concentração

Como podemos perceber, o ambiente colaborativo criado pelos coworkings é bem agitado, o que pode ser um problema se cada um não respeitar o espaço do outro. Dividir um espaço é um exercício de empatia. É preciso ter a consciência de que se uma pessoa está incomodada (seja com barulhos, cheiros ou demais distrações), provavelmente várias outras também estão.

A pegada descontraída dos coworkings é excelente para criar laços de amizade e contatos profissionais, mas algumas pessoas criticam a dificuldade em se concentrar no trabalho nesses espaços. Ainda assim, a grande maioria dos frequentadores de coworkings prefere esses ambientes aos isolados home offices, onde a capacidade de concentração pode ser muito mais exigente.

Home office x Coworking

Se você é autônomo, por que não trabalhar em casa? Esse questionamento pode surgir caso você decida trabalhar num coworking e não em home office, que é simplesmente um escritório em casa.

A resposta vai depender do quanto você consegue separar sua vida pessoal da profissional. Muitas pessoas precisam estar em um ambiente de trabalho diferente do ambiente do lar para conseguir ativar seu mindset produtivo, e isso é completamente normal!

Uma grande vantagem do coworking é o equilíbrio entre essas duas partes: você tem um espaço que propicia seu comprometimento com o trabalho e outro que lhe permite um momento de lazer e descontração.

Networking x privacidade

Cabe ainda lembrar que o possível maior benefício dos espaços de coworking é a facilitação do networking. Trocar contatos e experiências torna qualquer profissional mais completo, seja lá qual for a sua área.

Algumas pessoas não se adequam a esse modelo por acharem que acabam tendo que abrir mão de um pouco de sua privacidade, mas tudo é uma questão de adaptação.

Se você costumava trabalhar em home office, vai precisar de um tempinho pra se acostumar com o ambiente compartilhado e mais interativo do coworking. Além disso, vários desses espaços oferecem salas privativas como opção para quem prefere manter-se mais reservado e, ainda assim, compartilhar um escritório.

Onde encontro coworkings no Brasil?

De acordo com o Censo Coworking Brasil 2017, existem cerca de 810 desses espaços conhecidos por todo o país, sendo 47 só em Belo Horizonte! Esse número cresceu em 114% em relação a 2016, o que indica que esse mercado só tem a crescer.

Os coworkings trazem um conceito inovador de metodologia de trabalho que incentiva o empreendedorismo e ajuda muitas pessoas a tirar um negócio do papel. Conexões, oportunidades e entusiasmo: tudo no mesmo lugar!

Gostou do conteúdo? Então não deixe de assinar nossa newsletter para continuar aprendendo mais sobre meios inovadores de empreender!

Texto originalmente publicado em 07/11/17, em: https://goo.gl/PcVTti