7 Passos para Tomar Uma Decisão Importante

Tomar uma decisão é uma das coisas que mais define quem somos. A partir das escolhas que fazemos, traçamos um caminho e construimos a nossa própria história de vida.

Quando estamos confusos e com muitas alternativas, fica difícil saber qual é a melhor opção e o que precisa ser feito para escolher o caminho que mais queremos.

E como tomar uma decisão sensata sem agir impulsivamente?

Aqui vai alguns passos que criei baseado no processo de tomada de decisão inicialmente desenvolvido no trabalho do NPI (Netherlands Pedagogical Institute) e, no Brasil, à Adigo Consultores, ambas organizações dedicadas a processos de consultoria organizacional baseadas na antroposofia.

1º Passo: Escreva sua angústia em uma folha de papel.

Aqui vai um exemplo: “Não saber quais são os próximos passos para ter um trabalho com significado. Só sei o que eu não quero mais fazer”

2º Passo: Transforme sua angústia em uma pergunta norteadora para clarear seu objetivo.

A pergunta te ajudará a formular várias respostas e caminhos diferentes para chegar no seu objetivo. Se você focar só no que te angustia, você não entrará em movimento e por consequência não sairá do lugar.

Perguntas do exemplo acima: “Quais são os próximos passos para ter um trabalho com significado?” ou “O que eu posso fazer para descobrir o que eu quero fazer?”

3º Passo: Busque reunir o máximo de percepções e fatos disponíveis sobre o assunto com base no seu passado, na sua experiência de vida.

Aproveite o repertório que você já tem e se pergunte o que deu certo e o que não deu certo em relação a sua pergunta.

Seguindo o exemplo anterior, seria interessante explorar “O que eu já gostei de fazer na vida e no trabalho? Teve alguma coisa que eu fiz que achei o máximo e me senti realizado?”

4º Passo: Explore suas vontades e crie uma imagem do futuro.

Como ninguém vive só de experiências do passado, pense também no que você ainda não conhece e gostaria de experimentar relacionado a sua questão. Aqui o objetivo é criar novas possibilidades ainda não pensadas e vividas. Permita-se explorar. Esse é o momento para fazer um brainstorming de idéias!

No exemplo que estamos seguindo, a ideia seria explorar alternativas do que gostaria de experimentar que ainda não conhece, mas que tem vontade de conhecer e quem sabe trabalhar com isso um dia. Então responder algo como: “Com o que eu gostaria de trabalhar que eu ainda não conheço e estou disposto a experimentar?”

5º Passo: Determine os critérios que te ajudarão a tomar a decisão.

Os critérios são chave para te ajudar a tomar uma decisão. Eles são criados a partir do que você valoriza e das suas principais necessidades, ou seja, aquilo que você não abre mão. Os pré requisitos para tomar a decisão são muito peculiares para cada caso. Então aqui vão 3 perguntas que podem te ajudar a listá-los:

  • Do que eu não abro mão?
  • Do que eu realmente preciso?
  • O que eu valorizo e não gostaria de deixar de lado?

Ao refletir sobre as perguntas acima, crie um checklist do que é fundamental ter na sua escolha.

No exemplo, seguiríamos com uma lista como:

  • Ganhar no mínimo R$4.000,00 por mês
  • Ter flexibilidade de horário
  • Trabalhar de qualquer lugar
  • Trabalhar com pessoas despojadas
  • Trabalhar na área de comunicação, marketing e moda

6º Passo: Passe cada ideia criada nas etapas anteriores pela “peneira dos critérios” e mapeie as consequências de cada alternativa.

Nessa fase muitas ideias não passarão pelos “crivo” dos seus critérios. Para 
as alternativas que passarem deve-se fazer uma análise da consequência da escolha se, por ventura, você decidir tomar essa decisão.

Aqui vão algumas perguntas que pode te ajudar:

  • Se eu escolher essa alternativa, quais serão as vantagens e as desvantagens?
  • Como vai ser a minha vida se eu decidir por isso?

Depois de levar em consideração as consequências de cada alternativa, fica mais fácil fazer uma escolha. Mas escolha sem ação, ainda não é uma decisão feita.

7º Passo: Tomar a decisão e criar um plano de ação.

Agora sim chegou a hora de tomar a decisão e criar um plano de ação! Lembre-se de revisitar a sua pergunta inicial para verificar se a escolha feita atingirá seu objetivo.


Se você quiser tomar decisões para fazer a sua transição e criar um trabalho com significado, faça o Programa Travessia.


Essas dicas foram úteis para você?

Se sim, conheça outras ferramentas e dicas que vão te ajudar a tomar melhores decisões!

Se você gostou do texto, clique no ❤ aí embaixo. Fazendo isso, você ajuda essa história a ser encontrada por mais pessoas.