[Ás vezes]

Senta aqui amor,

Ás vezes amar é sentir saudade antecipada

É dor que dói e não se sabe onde

É medo de não sei bem do que.

Olha aqui amor,

Ás vezes amar é andar na escuridão

É enxergar apenas o horizonte

É caminhar por caminhos desconhecidos.

Espere aqui amor,

Ás vezes amar é ter paciência

É esperar sem saber se chegará

É se deparar com o desconhecido

É receio de voltar e não encontrar.

Escute aqui amor,

Ás vezes amar é deixar

É saber que muitas vezes nossos ventos são outros.

Mas deita aqui amor,

Ás vezes o amor dura

Amor quando é amor ele pode sim mudar

Mas nunca acabar, pois amor é o dom de recomeçar.