Seja um narciso equilibrado — Parte 1

É muito comum nos dias atuais alguém chamar o outro de Narciso quando a pessoa se acha muito bonita ou quando fica muito tempo na frente do espelho se arrumando para sair. A história de Narciso vem da mitologia grega. Ao observar o reflexo de seu rosto nas águas de uma fonte, Narciso apaixonou-se pela própria imagem e ficou a contemplá-la até consumir-se. Inclusive na psicanálise o termo narcisismo é usado para designar a pessoa que tem interesse exagerado pelo corpo.

Proponho que você seja um Narciso equilibrado, ou seja, que você se ame muito, que aceite a forma como seu corpo é ou então faça metas para emagrecer ou engordar, mas nunca fique reclamando do seu corpo. Lembre-se que a reclamação é negativa e só leva para a perda, para o prejuízo. Aja com sabedoria e tenha comportamento de vencedor, fazendo metas para mudar seu corpo ao invés de reclamar. Chamo este comportamento citado acima de Narciso equilibrado, que é o oposto do Narciso da mitologia, o qual tinha uma paixão por sua beleza que fugia dos padrões normais.

Se você realmente se ama, quer o melhor para você, faz metas e as cumpre, então você está buscando o que realmente quer, está pagando o preço que é necessário para atingir seus objetivos.

Quanto mais uma pessoa reclama, mais irá comer, mais irá engordar, mais infeliz se sentirá, então isso mostra que quanto mais a pessoa pensar negativamente, mais atitudes terá para prejudicar a si mesma.