Big Little Lies, BBB e o padrão dos relacionamentos abusivos

Há uns dias acabou o seriado Big Little Lies da HBO e eu fui pesquisar por imagens da Celeste Wright, personagem de Nicole Kidman que vive o relacionamento abusivo mais real que já vi na TV ou cinema (pelo menos no meu ponto de vista e pela minha experiência em um relacionamento abusivo), e acabei achando um texto que achei assustador porque vi exatamente a minha experiência descrita ali.*

O seriado (que foi inspirado em um livro) e esse texto me fizeram concluir que relacionamentos abusivos seguem sempre um padrão porque a dinâmica é a mesma, e como esse é o assunto do momento achei que seria bom traduzir e compartilhar.

A violência psicológica serve de base e prelúdio para a violência física e costuma deixar marcas por muito tempo. Coisas que vivi há mais de uma década ainda doem quando vejo/leio algo assim (esse é o famoso gatilho que tanto avisam, então segue: AVISO DE GATILHO: RELACIONAMENTO ABUSIVO)

“Primeiros sinais de abuso doméstico

Estou vendo esse novo seriado da HBO chamado Big Little Lies e uma cena no segundo episódio realmente me foi familiar. Alexander Scarsgård está brigando com o personagem da Nicole Kidman, sua esposa, e se torna violento e abusivo. Mas assim que ele a empurra ele imediatamente pede desculpas profusamente, tentando agir de maneira empática e doce.
O que mais me incomodou foi que tudo parecia muito o que meu ex fazia e isso realmente me assusta. Ele nunca abusou fisicamente de mim, Mas ele era manipulador e abusivo emocionalmente. Ele fazia algo errado ou me tratava mal e imediatamente implorava por perdão e fingia estar muito arrependido mesmo claramente não estando já que as ações se repetiam. Eu tive sorte suficiente de reparar um padrão se formando e ficar saturada com o comportamento dele por volta de 6 meses e separei. Realmente me assusta como as coisas poderiam ter piorado.
Eu realmente queria postar isso aqui como um anúncio de serviço público para que qualquer pessoa em um relacionamento como esse possa sair dele. Sim, é abusivo! E comportamentos como esses seguem um padrão, relacionamentos assim terminam em abuso físico. Anotem e percebam o que parceiros abusivos fazem. Pode não parecer abuso ou um aviso, mas pode muito bem ser.
Alguns dos primeiros sinais de abuso:
(Nem todo encontro romântico vai ter intenções ruins, mas tenha em mente que)
Parceiros abusivos tendem a começar muito românticos, doces e charmosos
Eles farão tudo para de conquistar e ganhar seu coração. Se parece muito bom para ser verdade, pode ser que seja. Eles fazem isso para te distrair de tudo que pode parecer negativo. Quando comecei a sair com meu ex ele era extremamente romântico — desde nosso primeiro encontro me abrindo as portas e me dando presentes, e continuou a fazer tais coisas para disfarçar a maneira que ele se tornava manipulador e sufocante.
Eles vão querer que o relacionamento evolua rápido
Eles tendem a acelerar tudo. Após sair por apenas duas semanas meu ex começou a mencionar casamento e querer passar o resto da vida comigo. Dentro de um mês ele estava falando sobre planos de onde iríamos passar o Natal. Tudo com ele era muito rápido, como se ele precisasse logo me reivindicar.
Eles começam a ficar controladores e ciumentos
Eu não via os ciúmes que meu ex sentia — a não ser que saísse com amigos ao invés de passar meu dia no telefone com ele, mas gradualmente ele se tornou muito controlador. Chegou ao ponto dele precisar estar constantemente no telefone comigo sempre que não estivéssemos juntos. Todo pedacinho do meu tempo livre era consumido por ele. Ele tentava me isolar e evitar que eu encontrasse meus amigos, passando tempo somente com ele. Eu não podia nem tomar banho sem levar meu telefone comigo. Se eu não ligava de volta ou se estava irritada e ignorasse as ligações ele ia continuar me ligando, depois ligando para o telefone da minha casa e as vezes para o da minha mãe.
Eles vão revezar entre ser um doce e um pesadelo
Meu ex definitivamente fez isso, o que acho que é porque eu mantive enamorada por ele por tanto tempo. Ele fazia coisas que me chateavam mesmo que eu dissesse para ele que parasse. Ele me ignorava enquanto eu estava falando. Ele fazia coisas desrespeitosas perto dos meus amigos, ele só pensava nele e fazia com que eu me sentisse minúscula. E aí ele era gentil e carinhoso quando eu ficava realmente chateada. Ele fazia eu me sentir culpada por gritar com ele ou ficar chateada com ele.
O maior aviso, e o que me fez acordar é que:
Eles sempre se fazem de vítima
Meu ex fazia isso constantemente. Não importava se ele errasse, ele era tão bom em manipular os outros que ele fazia parecer que ele nunca fazia nada de errado. No nosso relacionamento inteiro ele mostrava os pais como pessoas cruéis e a mãe dele como abusiva. Esse não era o caso, eles eram pessoas muito gentis que ele tratava muito mal quando o repreendiam por ter feito algo de errado. Ele foi demitido? Não foi culpa dele, sacanearam ele. Ele gastou todo o dinheiro dele em algo para ele e agora os planos para o meu aniversário foram arruinados? Ah não, ele trabalhou muito duro e eu era a escrota por ficar chateada. Coisas como essas são avisos gigantes! Abusadores nunca assumem realmente seus erros. Eu sei, alguns dizem que sim e dizem: “Eu vou mudar”, mas é apenas uma ilusão para que você faça vista grossa para ele fazendo as mesmas merdas de sempre.
Terminei com ele depois de um episódio que ele me desrespeitou e degradou e mostrou não se importar com ninguém além dele mesmo. Eu estava cansada de ser emocionalmente drenada, constantemente chateada e tendo que tentar tanto para que o relacionamento funcionasse. Após o término é claro que ele se fez de vítima. Eu era a pessoa errada por ter quebrado o coração dele. Eu era horrível por ter terminado com ele e ignorado enquanto ele me pedia para voltar.
Comportamento padrão de abusador. Depois descobri quando outras ex-namoradas dele me contaram que ele abusou física e sexualmente de algumas meninas. Então por favor, considere esses sinais se o seu companheiro faz essas coisas. Você merece muito mais do que isso.”

Tradução livre

Original: http://heichouswitch.tumblr.com/post/157767373359/early-warnings-of-domestic-abuse

*Esse texto descreve basicamente minha experiência pelo menos nos primeiros 6 meses. Quem escreveu esse texto conseguiu sair do relacionamento e imaginou que as coisas poderiam ter ficado piores. Eu continuei e posso dizer que as coisas realmente ficaram piores.