Há três dias eu não penteio o cabelo,

depois de algumas semanas saindo sempre de cabelo pranchado.

Minha sensação ao entrar no ônibus foi de que todas as pessoas estavam olhando pra mim. (Mas eu tinha achado bonito quando saí de casa!!)

Então, bolei duas hipóteses do que as pessoas (mulheres) estavam pensando ao olhar:

1- “se ela tem esse cabelo assanhado e sai assim, eu também posso”

2- “nossa, mas que garota desleixada, olha esse cabelo assanhado”

E pensei que seria melhor que fosse a primeira pois a segunda seria julgamento e eu não gosto de julgamento, inclusive me odeio quando percebo que estou julgando. Mas parece que eu já saio de casa esperando que me julguem.

Daí desenvolvi um mantra ali rapidinho e repeti algumas vezes “Não julgar, Não focar no julgamento”

Mas aí eu lembrei que no livro O Segredo [inclusive, leiam] fala que pensar negativamente em algo também o atrai, então tive que reformular o pensamento.

Como pensaria positivamente sobre isso?

  • As pessoas são como são porque a vida e suas experiências fizeram elas assim, por isso não devo julga-las mesmo ela tendo me julgado.
  • Não tentar imaginar qual episódio da vida de cada um o fez ter determinada atitude, a menos que vc seja o psicanalista dela, pois só de pensar isso vc já tá julgando a vida da pessoa.

É difícil né? Exercício diário, isso.

Like what you read? Give Pensei no ônibus a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.