Metonímia


Se estivesse na porta de meu quarto 
com aquele teu olhar inebriante,
te puxaria à mim. 
Onde estará o meu amor?
Abraços fervorosos não mais conscientes do afeto.
O elo que se foi.
Que se viu.
Compostos de velocidade e argumentos que

se descobriram no espelho da alma.
Se despem.
Capciosamente, sorri.
Agora, eu que podia ser nós dois, 
não fujo mais de mim. 
m e t o n í m i a
Você por mim.
Eu por eu mesma.

E só.
É necessário que se mova.
Seja menos pueril, eu diria à ti.
Onde estará o meu amor?
Em síntese.
Sem índole: roubei meu amor de ti.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.