A super lista de frustrações da Luv

Tô numa fase que eu quero reclamar de muita coisa, mas acho que meus amigos e até minha terapeuta já ouviu o suficiente, então vou escrever tudo aqui pra ser uma tentativa de nunca mais remoer elas.

  1. Sou uma pessoa transparente, e, pra mim, isso é uma merda. Eu sou o tipo de pessoa que a 1 km de distância qualquer um pode ver o meu humor. E pra mim isso tem um preço alto.
  2. Eu quero ter uma carreira sólida numa profissão que não existe. (Social Colaborative Design, pode procurar no google, não existe. Eu inventei,)
  3. Não sei se sou iludida ou sonhadora.
  4. Eu amo ilustrar, mas meus desenhos são uma bosta comparado aos de ilustradores de verdade. (famosinhos do instagram não contam como ilustradores de verdade)
  5. Eu preferiria ter sido fútil, já que quando minha cabeça abriu, surgiu mais frustração do que clareza.
  6. Faz muito tempo que eu não conheço ninguém que me desperte interesse.
  7. A exclusão que eu sofri nessa escola vai ta sempre de alguma forma viva em mim.
  8. Referente ao tópico 2, eu não sei se eu sou um gênio ou uma besta.
  9. Referente ao tópico 8, eu odeio o fato de "gênio" e "ídolo" serem substantivos masculinos. Percebam que "merda", "bosta" e "besta" são todos substantivos femininos. Pode não ter muito embasamento, mas esse presente fato me irrita. Eu queria escrever ídala sem aparecer o sublinhado vermelho e gênia sem me referir à uma lâmpada.
  10. Odeio minhas ilusões.
  11. Eu não sou tão criativa assim.
  12. Essa lista ta depressiva e eu odeio esse meu lado.
  13. Tchau
  14. Foda-se
  15. Vou terminar meu TCC sobre minha profissão inexistente.