fuDOEU

Não dá pra fingir que nada mudou

Nada será como antes

Pois sua covardia tudo mudou

Eu quero amar sem anestesia

Quero sentir cada dor e alegria

Você nos fudeu

E dessa vez não foi na cama!

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Ágata Luna’s story.