Será que valeu a pena?

O telefone tocou, atendi e cansado falei o “Alô” mais desanimado da minha vida. A pessoa do outro lado da linha começou a falar e só eu sei o esforço que fiz para entender e responder de forma adequada tudo o que tinha acabado de ouvir foi gigantesco. Acredito agora que a resposta que dei não foi a que a outra pessoa queria ouvir! O resultado foi um dialogo estranho e carregado de irritações.

A grande verdade é que aquela ligação está corroendo minha mente até agora, foram cinco minutos e no momento são 23 horas de pura tortura. Neste momento me pergunto: Será que valeu a pena? Tudo o que eu precisava é que a pessoa me entendesse!

Esse sentimento que dentro dentro de mim é novo, é uma mistura de ansiedade, medo e raiva. Sei que ele não vai me levar a lugar algum! Mas também sei que não consigo evitar. Muitos dizem que o tempo cura tudo e é exatamente esta a minha esperança.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.