Livros que li e recomendo

Uma das minhas metas para 2016 é ler dois livros por mês, antes resolvi fazer um levantamento do que jé li e recomendo!

Nos últimos anos tenho acumulado uma série de livros que mudaram minha forma de encarar problemas, desenvolver negócios e até ver o mundo. Por mais que seja frequente receber conteúdos de qualidade em blogs e sites, não deixei de recorrer aos livros para obter conhecimento profundo sobre diversos temas.

Bem verdade que não tenho o tempo que gostaria para ler mais sobre temas diversos; o tempo que dedico à leitura são focados naquilo que vai impactar meu negócio ou meu comportamento com empreendedor.

OS PRIMEIROS

Antes de entrar de cabeça nessa louca jornada empreendedora tive a oportunidade de ler alguns livros bacanas de temas diversos, eles abriram minha cabeça para os desafios que viriam.

#1 The Tipping Point

Muito antes de entrar nesse universo empreendedor fui surpreendido no meu aniversário de 2010 com o "The Tipping Point" do Malcolm Gladwell.

Esse livro veio repleto de novidades pra mim, a primeira delas, foi meu primeiro livro em inglês. Ok, nada demais. O que realmente marcou nessa leitura é como pequenas ações podem gerar grande mudanças nas nossas vidas.

As chamadas oportunidades disruptivas que muitas vezes passam despercebidas nas nossas vidas, mas quando nos agarramos em alguma mudamos nossos paradigmas e perspectivas de futuro.

Não é um livro sobre empreendedorismo nem sobre empreendedores de sucesso, mas com certeza marcará sua jornada empreendedora.

#2 Startup Weekend

Pouco antes de participar do meu primeiro Startup Weekend (uma das grande oportunidades disruptivas que surgiram na minha vida e eu agarrei), tive a oportunidade de ler o livro que conta a história de 3 malucos que revolveram tomar para si um programa de empoderamento empreendedor.

Um deles foi o CEO da UP Global, o Marc Nager.

A confiança foi a base de toda a negociação e isso se replicou no que hoje é o maior programa de capacitação empreendedora e empoderamento de líderes de comunidades do mundo. Se você não leu, leia, mais que falar do Startup Weekend, esta é uma grande lição empreendedora.

#3 Start With Why

Pouco tempo depois de participar do meu primeiro Startup Weekend me deparei com uma apresentação do Simon Sinek no TED.

Nesta apresentação S. Sinek falava de como grandes empresas e pessoas conseguiam vender melhor suas ideias do que outras.

No livro ele apresenta o Golden Circle, uma composição visual de interações entre pessoas e negócios. O Golden Circle tem três camadas — de fora pra dentro: (1) O que a empresa ou a pessoa é; (2) Como a empresa ou a pessoa se comporta e; (3) Por que a empresa ou pessoa se comporta, esta é uma informação que não é trivial, mas faz toda a diferença.

Mais dois livros me despertaram para essa jornada empreendedora que surgia. São livros que nunca tive a oportunidade de discutir com outras pessoas, mas que trouxeram uma motivação extra quando tive dúvidas sobre entrar de cabeça no negócio ou não.

"Não Basta ser bom, é preciso querer ser bom" é um livro de leitura simples, li em dois dias, ele trás pequenos contos sobre o que diferencia ser bom em algo, por acaso, de querer ser bom, ou seja, lutar por algo que faça sentido na sua vida.

Nesta mesma linha conheci o Jon Acuff, um jornalista que se virou palestrante (tipo do perfil que você não daria muito crédito).

Bem verdade que o livro não retrata a vida de um dos caras mais brilhantes que já existiram, mas ele trata de como as pessoas podem optar (e trabalhar duro) por deixar o fluxo normal da vida, esperado pela sociedade, por trilhar um caminho estreito, cheio de obstáculos e dificuldades de quem optou em se tornar um pessoa incrível.

Na visão do J. Acuff ser incrível não é ser famoso ou coisas do tipo, é não se conformar em estar na média, sair da famosa zona de conforto e lutar por atingir objetivos que dão valor às nossas vidas.

OS OBRIGATÓRIOS

Este são os livros que não preciso nem justificar a leitura. Quer empreender uma startup? Leia "Business Model Generation" do Alex Osterwalder, "The art of the start" do Guy Kawasaki, "Lean startup" do Eric Ries, "The startup owner's manual" do steve blank e "Running Lean" do Ash Maurya o quanto antes!

Tá sentindo falta de alguns não é? Tem outros livros que tenho como obrigatórios sim, mas como são mais novos vou deixar numa categoria mais abaixo.

OS TÉCNICOS

Não adianta entrar de cabeça numa startup se você não conhece assuntos técnicos como desenvolvimento, design, interações com usuários e desenvolvimento de negócios.

Para livros de linguagens de programação, metodologias para o desenvolvimento e relacionamento e experiência com usuários eu indico a Casa do Código.

Vários livros bacanas com uma linguagem simples e direta vão lhe ajudar a aprender mais sobre conteúdos técnicos fundamentais para o desenvolvimento do seu negócio.

#4 SCRUM the art of doing twice the work in half the time

Para conhecer mais sobre um dos métodos mais utilizados no mercado de desenvolvimento de software, este livro sobre o Scrum é muito bom.

Escrito por uma dos caras que formalizaram o conceito inicial de Scrum como conjunto de boas práticas, o Jeff Sutherland.

O livro traz uma abordagem simples sobre como seu time pode produzir mais em menos tempo. Para quem tem um time de trabalho com pelo menos 3 pessoas vale a pena ler. Só não fique preso à replicar todas as informações apresentadas no seu time, qualquer método pode ser adaptado aos ambientes de modo a gerar mais valor.

#5 UX for lean startups

Outro livro com pegada técnica bacana, Laura Klein trata muito bem como pensa, testar e validar as experiências de usuários num universo onde há pouco budget e há necessidade de aprender muito, rápido.

Ux for Lean Startups tem uma linguagem simples, no qual até os não designers de usabilidade poderão entender quais os caminhos a se seguir.

#6 Slide:ology

Piches são ações frequentes na vida dos empreendedores, para um pitch de qualidade é preciso um preparo intenso do apresentador e uma apresentação profissional, o Slide:ology me ajudou muito na percepção de valor nos slides para atrair atenção de quem vê.

Fazer uma boa apresentação é muito mais que ter um design profissional, é importante transmitir a informação correta numa sequência lógica.

OS NOVOS OBRIGATÓRIOS

Nos últimos dois anos minhas leituras cresceram exponencialmente, cada dia temos excelentes opções de leitura sobre experiências compartilhadas, métodos, novas tendências ou até mesmo uma motivação extra para continuar de pé nessa caminhada ao sucesso nos negócios. [a lista é grande]

2016 PROMETE, O QUE JÁ SEPAREI PRA LER ESSE ANO!

Comecei meu projeto (imitando o Mark Zuckerberg um ano depois), ler dois livros por mês. Já comecei a ler o primeiro e tenho alguns na agulha. Tem de tudo, mas ainda tem espaço para mais!

ME INDIQUE MAIS LIVROS!

E ai, que livros fizeram a diferença pra você? Quais você indica a leitura?


Like what you read? Give Luiz Fernando Gomes a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.