Terceiro

passou, ficou, calou

dançou, arrepiou, chorou

sorriu…

quis ir embora,

panos úmidos e arregaçados

entre as quatro paredes do coração

planos infundados, renegados, esquecidos

vontade de ir

sabendo ficar

vida que passa, que chora, que ri

nada a declarar