A vida que eu queria ter em um vídeo sobre gatos

Eu não tenho gatos. Nunca tive. Já quis ter. Quero ter!

Foi hoje de manhã. De repente, sem motivo aparente, que apareceu como sugestão do Youtube o vídeo “How I Trained My Cats” (Como eu treinei meus gatos), e pela carinha bonitinha do bichano na miniatura eu resolvi assistir.

De treinados mesmo, os gatos não tinham nada, no máximo davam a patinha em troca de comida. Eram dois gatos “treinados”, o bonitinho da miniatura do vídeo, e um outro que não desperta tanto interesse. Havia ainda um terceiro que fica subindo nos móveis mas não deve ser tão obediente.

Só que o que chamou minha atenção foi a vida do locutor, por vezes coadjuvante, e dono dos gatos. Não, ele não fala como trabalha, onde trabalha, o quanto trabalha. Ele não fala sobre a distância que tem ou não que percorrer pra trabalhar ou outras atribulações cotidianas. Mas ele anda de bicicleta por uma plantação, com o gato na cestinha. Ele tem um apartamento pequeno, mas bem mobiliado. A voz da locução é calma. Tudo parece limpo e nada arranhado apesar dos gatos (eu sempre achei que não teria como ficar limpo). E há plantas! Além do fato dele sair passear com os gatos.

É a vida, ou o recorte de vida, que eu queria enquanto estou sentado em frente ao computador, com 28 pessoas na sala. Estou prestes a completar 35.

E todo esse recorte, faz pensar sobre quando, dentro dos últimos dez anos me perdi do caminho. Deixei de lado uma certa tranquilidade e entrei na zona ansiedade/nervoso/desespero/não curtir o momento. Quando foi?

Muito se fala das dúvidas das novas gerações, da agitação, da busca de empregos não tradicionais etc. Mas a minha também se deixa afetar pelas “gramas verdes”, talvez a nossa, das pessoas no meio dos trinta, se deixe afetar.

Quem não queria estar andando de bike pela plantação, em um dia ensolarado, com um gato que dá a patinha? Chegar em casa e cozinhar com a calma de quem faz esculturas em uma maçã? Eu queria. Você quer.

Continuemos querendo, mas tentando.

Jornalista, pai e tenta ser youtuber! Trabalhos: linktr.ee/vancine

Jornalista, pai e tenta ser youtuber! Trabalhos: linktr.ee/vancine