by snapwire

Era uma vez, uma casa.
Me falaram que ficava ao pé da montanha.
Fui lá pra ver.

E diferente de antes, a montanha tinha pés, e as flores haviam crescido.
Num extremo infinito entre malabarismos, pólens coloridos, num céu em que as nuvens escorriam e pintavam cada gota de chuva num pote d'água, um universo pequeno…

Voltei mais pequena
de um céu de baunilha,
que sinto saudades todo dia.

Originalmente escrito em 28 julho 2008

marianapoczapski

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store