A mente é um caminho de duas vias, uma leva a verdade e a outra leva ao engano.

Um desses mostra a realidade das coisas, mostra quem você é de verdade, um caminho sem dúvidas, um caminho reto, um pouco desconfortável.

Para caminhar nesse deve-se ser corajoso, aceitar o que será dito, compreender os defeitos, compreender as decisões, decidir baseado no que se sabe e não no que se sente. Nesse não há medo, há apenas clareza e firmeza nas palavras.

O outro caminho é sinuoso, tem idas e vindas, não se sabe para onde vai, sem retas, acaba-se por perder-se. No entanto, ele parece o mais rápido e mais confortável. Muitas emoções, um turbilhão de pensamentos, decisões duvidosas, arrisca-se demais desse lado, a vida fica incerta.

Esse tem emoção e alguns dizem que “se for sem emoção não vale”. Pode ser mais radical, mas desse lado você tem que estar disposto a compreender que pode machucar pessoas.

Não somos os únicos no caminho, não estamos à mercê de viver apenas pra nós mesmos. Que caminho você vai escolher? Você vai ser decidido e passar por maus buscados pra fazer a coisa certa? Ou você vai passar pelas dúvidas e riscos? Você vai passar pelo caminho da verdade ou do engano?

O engano é aquilo que distorce a realidade, faz parecer tudo real, mas é fictício. Antes fosse um caminho de mentiras, saberíamos que ali não é o lugar, mas o engano…. ENGANA!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.