Nunca tá tudo bem

Vicky Cristina Barcelona (2008)

Se eu tivesse que resumir todos os meus sentimentos e angústias que são consequentes da minha ansiedade é assim que eu descreveria: nunca tá tudo bem.

Tem sempre algum problema latente que me faz passar horas pensando sobre o que fazer e em como resolver. Muitas vezes esse problema não é um problema.

Percebi essa minha insatisfação crônica na quinta-feira, feriado em que eu ia viajar pra praia, sem precisar trabalhar e de férias da faculdade, quando acordei depois do meio dia e pensei: “O que está me incomodando hoje?”. E aí me dei conta que tenho esse pensamento todo dia, seja na hora que acordo ou na hora de dormir. Em algum momento do dia ele passa pela minha cabeça e, mesmo que minha vida esteja perfeita, não, ela nunca tá e sei porque sempre encontro algum motivo banal pra focar toda minha ansiedade e ficar pensando naquilo, de forma exaustiva, mesmo que o problema não exista, ou que seja uma questão de tempo, ou que dependa de outra pessoa. Não importa porque eu vou ficar pensando de qualquer jeito, e traçando planos, e vendo possíveis problemas subsequentes e por aí vai.

Eu não começo uma série que só tem uma temporada gravada porque fico ansiosa demais esperando os episódios seguintes e morro de medo de cancelarem alguma série que eu acompanho. No dia que eu sei que vou ficar menstruada eu olho minha calcinha o tempo todo esperando o sangue chegar, se não chega eu já sinto que estou grávida (mesmo sem ter feito sexo naquele mês). Eu vou almoçando olhando bem o meu prato porque fico com medo de chegar no final ainda com fome. Eu já sei a roupa que vou usar no dia em que eu for viajar pra Londres (faltam 145 dias pra isso), mas fico pensando se vou passar muito calor antes de embarcar e então preciso de uma segunda opção de roupa pra esse dia.

Não é falta do que pensar. É falta de um filtro sobre o que eu devo realmente pensar e me importar.

Texto escrito no dia 03/02/2015.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated marcellacom2l’s story.