Também estou há três anos no home-office.
Renato Dinhani
31

Que massa Renato Dinhani! A questão de adequação do horário comercial, de mim exigiu disciplina, e fui testando gradativamente a mudança. Quanto a questão de interagir, que no teu caso é opcional, experimentei fazer um one-to-one. No one-to-one, eu combinava com alguém da empresa que não havia falado ainda, 15 minutos de papo sobre qualquer coisa menos sobre o trabalho. E fazia isso toda semana com pessoas diferentes. O one-to-one foi sugestão do lider técnico de um startup que trabalhei para melhorar a comunicação entre as pessoas, e foi muito bom!!

Like what you read? Give Marcelo Andriolli a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.