Vai na fé que com tempo se ajeita

Se ajeita a mente
Se ajeita o caminho
Se ajeita a trilha
Se ajeita o vizinho
Se ajeita o espaço
Se ajeita sozinho
Se ajeita o pensar
Mas não se ajeita o carinho
Não se ajeita egoísmo
Não se ajeita o desamor
Não se ajeita as brigas
Não se ajeita a inveja
Nem a comida que mais detesta
O tempo não ajeita nada
É só mais uma falsa esperança jogada
Por mais que se ajeite
Nada tem jeito