Silva e Oliveira

Fico imaginando quando a policia faz uma apreensão de drogas ou de armas, como que fica a disputa pra ver quem vai decorar a mesa:

SILVA: Vou colocar os papelotes distribuídos por tonalidades de cor
OLIVEIRA: Mas tem que colocar as iniciais da nossa corporação!
SILVA: De novo assim, que tal dessa vez a gente não passar uma mensagem, já que também foi apreendido várias balas? 
OLIVEIRA: Boa!
SILVA: Que tal uma assim “Fizemos a faxina e recolhemos todo o pó”
OLIVEIRA: Não gostei, vão chamar a gente de “empreguete” depois.
SILVA: Verdade, então “Chupa tráfego”? 
OLIVEIRA: Essa é ofensiva, vai que a gente fere os sentimentos deles.
SILVA: Pode acontecer isso mesmo.
OLIVEIRA: Vamos pensar em uma coisa que demonstre que ambos os lados resolveram tudo bem.
SILVA: Já sei! 
OLIVEIRA: Qual? 
SILVA: “FOI LINDO”, dai nós fazemos umas flores ao redor.
OLIVEIRA: Deixa do jeito tradicional mesmo, os repórteres estão chegando e a gente ainda nem começou a ensaiar a cara de mal.