O Sul é o meu país?

Em nossas redes sociais, vemos varias opiniões diferentes,muitas vezes de pessoas que nem sabem o que falam. Adultos, jovens e crianças expõem o que querem, falando de amor, guerra, religião e politica. Este último sempre muito comentado.

Muitos comentários nas redes dizem que o sul seria o melhor país, dividindo Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul do nosso Brasil. A ideia não é ruim, não para quem mora em um desses estados. Produzimos muito e hoje quase nada volta para cá, o dinheiro é sempre destinado a um estado mais pobre. E nem mesmo no noticiário do clima somos comentados.

Além disso, os brasileiros sempre comparam a sua vida com a dos Americanos e na politica não é diferente. Nós mesmos nos desprezamos e dizemos que somos ruins. No pensamento sulista é incrível a ideia do Estados Unidos de cada estado ter sua lei e o dinheiro produzido naquele lugar, ficar ali.

No entanto, é egoísta e medíocre o pensamento de achar que nos separando do Brasil vamos virar um país bem sucedido e rico. Isso não vai acontecer. E pra piorar, estaríamos prejudicando o nosso Brasil. Mesmo hoje sendo um país enorme e cheio de riquezas estamos falindo, pois de um lado esbanjam dinheiro e do outro pessoas morrem de fome a cada 10 minutos, me custa acreditar que seríamos melhores deixando mais que a metade da nossa nação na mão. Isso soa ridículo, porque é ridículo.

O sul tem o menor índice de mortalidade infantil. Não ser comentado em noticiários por isso e de outras coisas boas que temos não nos mata de fome. Todos falam dos corruptos que só querem mais e mais dinheiro, mas não somos diferentes, pois mesmo sendo uma das melhores regiões, reclamamos de falta de verba e para a solução dos nossos problemas viramos egoístas. Esse movimento (sul é meu país) não nasceu agora por causa da corrupção e do lava jato, isso vem desde 1991 e nas pesquisas feitas por esse movimento, o número de pessoas que aprovam o sul como país crescem cada vez mais, tendo em 2014, 73,32% dos sulistas apoiando a ideia.

Porém, dividir a nossa nação seria a prova de que os brasileiros não tem capacidade de administrar o próprio país. Assim, os outros países concluiriam o pensamento que tem de nós e fariam questão de relembrar sempre que precisassem. Os sulistas tem grande influência no Brasil, mas devem usar isso para ajudar os que não tem, sempre exigindo os seus direitos, mas contribuindo para a nação triunfar. Por que tirar do Brasil, se nosso objetivo é elevado? Uma nação precisa de todos para crescer, sendo assim, o sul não é nosso pais, o Brasil é!

Maria Eduarda Boeira, 8°E

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.