Image for post
Image for post
As pessoas jardineiras são, em sua essência, cuidadoras do ecossistema que se estabelece. Para a planta crescer, é preciso que o ambiente esteja em condições para nutri-la.

Psiu… Me conta aí… Você já pensou em #comunidades como organismos vivos?

Desde que comecei a refletir e estudar sobre comunidades com mais consistência, sempre me conecto com a imagem da árvore.

É tão profundo para mim que ressignifiquei o termo Community Managers para Community Gardeners, ou em bom português, Jardineiros de Comunidades.

E, ao falar isso, vou acabar fazendo uma provocação reflexiva sobre o próprio trabalho do Community Manager. Uma provocação inspirada na fala que o Seth Godin faz, no livro Tribos: Nós precisamos que você nos lidere, sobre a diferença de um líder de tribo para um gerente.

“Os gerentes gerenciam um processo que eles já viram antes e reagem ao mundo externo, esforçando-se para tornar aquele processo tão rápido e barato quanto possível. …

Image for post
Image for post
Iscas digitais podem ter um efeito contrário ao que se deseja. (Photo by Mikael Seegen on Unsplash)

Durante minha jornada autodirigida no Masters of Learning (MoL), criação linda do Alex Bretas, as conversas têm trazido alguns insights poderosos (já deixo o meu agradecimento a todos com quem venho trocando nesse período). Uma delas foi uma reflexão que fiz sobre as iscas digitais e gatilhos de escassez com o veneno de barata e de rato.

A fala foi a seguinte:

os ratos e baratas aprendem que aquela isca que colocamos e mata rapidamente é veneno, e os demais ratos do bando não consomem mais. …

About

Maria Clara Tavares Lopes

Jardineira de Comunidades, aprendiz para toda a vida, coloco energia em apoiar a transformação de pessoas e organizações para versões melhores de si mesmas.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store