Momentos


Não há nada como um momento de nossas vidas do qual nos lembramos meticulosamente de cada mísero detalhe. O detalhe mais bobo de todos, até o mais simples. Um cheiro, uma sensação, um gosto, um sorriso. Aqueles que ninguém mais lembraria. Mas que é especial para você, pois fez parte do seu momento. Há momentos grandes, como a primeira viagem para o exterior, a festa de quinze anos, a primeira declaração de amor, o primeiro beijo… Mas há também aqueles mais simples, como o primeiro episódio daquela série que você ama, o cheirinho do livro novo, até mesmo uma pipoca e um dia chuvoso. Independente do tamanho e da grandeza do momento, o que faz dele o seu momento, é a sensação que ele te dá. Um frio na barriga, um arrepio na nuca, um suspiro profundo ou uma risada gostosa e espontânea. Seja o que for, se ele te deixa feliz, então pode ser considerado um momento. Um momento faz você se lembrar de aproveitar cada dia que passa, de ser feliz e viver sua vida. Um momento faz você se lembrar de viver cada momento.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.