Conversa com Pensadores Mortos: Marx e Engels

Eu — Gente,
Engels — Oi
Marx — Olá
Eu — Estou precisado de ajuda.
Marx — Diga, companheira
Engels — O que posso ajuda, menina 
Eu — Aqui no mundo dos vivos, esta uma confusão. Nossa civilização é uma farsa, dissera para gente que a historia tinha acabado, e o capitalismo tinha vencido, e tudo iria fica bem, mais na verdade o mundo continuar vivendo entre crises e crises. Continuamos vivendo no mundo, onde o rico cada vez. Fica mais rico. E o pobre cada vez. Fica mais pobre. Tem um tão de Donald Trump, ele é abertamente racista, machista obtuzo e bilionário, ele poderá ser torna o próximo presidente dos EUA, a Dilma caiu e entrou o Temer que só faz merda, a burguesia brasileira alem de fede, não consegue para de briga entre si. 
O brasil e o mundo esta sem direção …por favor vcs foram grandes intelectuais e revolucionários, o mundo dos vivo precisa de vcs …
Marx — “Os homens fazem a sua própria história, mas não a fazem como querem, não a fazem sob circunstâncias de sua escolha e sim sob aquelas com que se defrontam diretamente, legadas e transmitidas pelo passado.”…
Engels — Não podemos volta, o passado, foi, o futuro é construído pelos vivos, acumule força, organize os trabalhadores… rompa com as religiões. 
Eu — Poxa, eee o trotsky? Ele é historia, um grande comandante .
Marx — “História em si não faz nada, ela não possui imensa riqueza , ela não luta batalhas. É o homem, homem real, vivo, que faz tudo isso, que possui e luta; “História” não é, por assim dizer, uma pessoa distante, usando o homem como um meio para atingir os seus objetivos; a história não é senão a atividade do homem perseguindo seus objetivos.”
Engels — Menina, veja o passado, aprenda com os erros e acertos.
Eu — Ok, Vcs poderia da algum conselho para gente. pelos menos.
Engels e Marx — “Os comunistas não se rebaixam a ocultar suas opiniões e os seus propósitos. Declaram abertamente que os seus objetivos só poderão ser alcançados pela derrubada violenta de toda ordem social existente. Que as classes dominantes tremam à idéia de uma revolução comunista. Nela, os proletários nada tem a perder a não ser suas prisões, tem um mundo a ganhar. Proletários de todos os países, uni-vos!”