Como dar importância ao que realmente importa na vida?

O que de fato é importante na sua vida?
 
 Quanto tempo você se dedica a isso?
 
 Nesse meu caminhar tenho tido muitas conversas com pessoas insatisfeitas com o trabalho e com o tempo que o mesmo tem tomado conta de suas vidas. Tomado conta mesmo, sem espaço para pensar e agir em outros campos da vida. Sabe aquela velha comparação com o “equilibrista de pratos”? É assim que muita gente se sente, mas acaba deixando os mais importantes caírem.
 
 Vale ressaltar que os filhos crescem, nós envelhecemos, o amor pode não dar conta, os amigos se cansam, as doenças surgem, a família acaba não mais acreditando no “o ano que vem estará mais tranquilo e terei mais tempo para vocês”…esse ano pode nunca chegar se as atitudes continuarem as mesmas. 
 
 Dizer não a algumas coisas é uma saída bem interessante para delimitar o espaço que você quer dar para “aquele prato”. O limite quem pode colocar é você, já que o mundo não vai parar para que a sua vida entre nos eixos e seja uma vida mais tranquila, leve e harmoniosa. Mágica nesse quesito não existe. As pessoas que conquistaram isso foram atrás, agiram, pode até parecer que não, mas os bastidores da vida dos outros costumam não aparecer em redes sociais. As decisões, escolhas e renúncias certamente foram feitas, mas geralmente não são contadas, só aparecem os resultados!
 
 O que você pode fazer de diferente agora para que os “pratinhos” mais importantes da sua vida ganhem mais espaço?
 
 “Foi o tempo que perdeste com tua rosa que fez tua rosa tão importante” — Antoine de Saint-Exupéry