Image for post
Image for post
Foto feita perto da Die DeuSCHule. Berlim, 2018.

(Nunca pensei que eu pudesse aprender alemão)

Sair do país de origem é quase como se atirar de um avião com um paraquedas nas costas sem saber direito onde vai aterrizar. Mudar significa ver o chão mas não saber qual o território em que ele se encontra. Tudo o que era familiar, desaparece. E a língua é a primeira barreira que precisa ser quebrada para que as coisas comecem a fazer um pouco mais de sentido. Afinal, é através da comunicação que o mundo se conecta.

Quase seis meses depois que me lancei para minha vida nova em Berlim, posso dizer que, depois de algum tempo em queda livre, abri o paraquedas há uns dois e ainda estou planando no ar, me aproximando de um lugar para pousar. Assim como pular de paraquedas, mudar de país exige uma entrega de si que só o coração pode sustentar, coisa que a mente não sabe fazer. …

About

Mari Vass

Photographer, sociologist, mind questioning and sensitive.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store