Adeus

Tenho pensado numa nova vizinhança. É preciso aceitar que a Augusta, como mãe que embalou quem precisava de rumo, deu os frutos que podia. Tenho pensado em padaria à pé, meninos brincando entre os sobrados. Um pouco de verde e menos fuligem, quem sabe até uma videolocadora para abrir conta.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Abelardo Jurema’s story.