a cada dia morro um pouquinho mas não morrendo de morrer morrendo de acreditar que ainda existe esperança também não espero mais nada de você desacredito que vá mudar alguma coisa queria tá errada mas tá foda

December 16, 2014


Originally published at quartotexto.tumblr.com.

Like what you read? Give Francis Almeida a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.