FLOR

Tão confuso
Que até me falha o nome
Não existe sinal de identificação
Com meu paradeiro
Ou com o que vejo no espelho

Perdido, perambulo
Como um fruto maduro
Com vontade de ser flor

Espalho sementes
Na esperança de semear a próxima leva
De flores-frutos
Pra acabar com o preceito 
De achar que fruta
Não pode ser flor

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.