chelsea girl

“chelsea girl”, nico.

lavo com água corrente
meu rosto flor de
feridas.

o mundo segue
caminhando alheio
ao sofrimento.

não há mais esquina
nesta cidade
que não me evoque

suas memórias.
lavo com água corrente
meus olhos aquecidos.

lembro que a noite
enegrecia
sob seu ventre

e que eu descansava
no escuro
de olhos abertos.

seu umbigo
era minha
penumbra.

e seus olhos
velas verdes
na noite escura.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.