Psicofobia e racismo no coletivo Mobilização?

Chega! Não aguento mais.

Hoje eu estou extremamente nervoso. Estou cansado de viver em uma sociedade racista, que discrimina as pessoas com base em onde nasceram, repercutindo preconceitos históricos, e em uma sociedade psicofóbica, que reduz a condição de doença mental a algo decadente.

Eu exijo um esclarecimento por parte da IGN do seu funcionário que atende pela alcunha de Marcola, e de seus colegas de trabalho, por esta declaração.

http://s32.postimg.org/mi6pxy0ed/marcola_racismo.png

http://web.archive.org/web/20160519172638/https:/twitter.com/malkkav/status/732688620876890113

Qual é o problema em ser mongoloide? É a raça? É a doença mental?

Espero que o tal Marcola esteja disposto a prestar esclarecimento legalmente, e inclusive espero que os coletivos em nome das minorias tomem a providência de acioná-lo na Justiça. O mínimo que espero é obter seu nome completo e endereço.

OBS: Só lembrando que aqueles que repercutiram o tweet duvidoso também devem ser responsabilizados e prestar esclarecimentos. O número de aspirantes a redatores é alto, o que me faz perguntar se o coletivo Mobilização não é um grupo de jornalistas incapazes de escrever 140 caracteres sem meter os pés pelas mãos.

Like what you read? Give Matheus Fonseca a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.