Pois é Mayara, acho que é um pouco de cada coisa citada por você e uma pitada de vida.
Robson Felix
51

Olha Robson, vou te ser sincera. Se você descobrir como “monetizar os paranauê”, compartilha com sua nova amiga aqui viu… rsrs To brincando não.Eu penso nisso direto. Não só vendo o meu lado, mas o de outras pessoas também. Porque eu vejo que tem muita gente boa escrevendo, mas que infelizmente é obrigada a abandonar a escrita porque ainda não consegue tirar o dinheiro dos paranauê. Todo dia tenho uma ideia, mas ai acabo desistindo. E fico com receio de estar usando muito do meu tempo aqui e isso nunca se reverter em uma forma de ganhar dinheiro. Porque não dá para sermos hipócritas, as contas chegam e tem que ser pagas. Não quero ser rica, mas também não quero ter divídas…rsrs É isso, obrigada por vir aqui e compartilhar com a gente essas reflexões tão importantes. Abraços!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.