Mas é claro que nesse mundo maravilhoso da internet, a gente começa a ler outros pontos de vista, e passa a refletir sobre tudo de uma outra forma.
“Vai Malandra” e as diferenças entre feminismo branco e negro
Ana Clara Barbosa
2.3K2

Eis o problema…

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.