Yu, uma cama, um violão, chocolates e vinhos.

Tudo era macio, os lábios, a voz, a cama, o toque.

Yu, temperos, hambúrgueres, e pessoas.

Tudo era novidade, os corredores, as piadas, a cama, o sofá, instrumentos, fragmentos de alguém.

Yu, novos vicios.

Yu, carpe diem. Pequenas novas experiências, descobertas e borboletas.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.