A fé na pluto-democracia americana
Marcus Brancaglione
52

A piada mortal venceu: Trump já ganhou

Não precisou nem acabar as eleições para começarem as crises institucionais

Trump já ganhou.E ele nem precisa mais chegar a Casa Branca.
Ou melhor agora ele só vai perder se chegar mesmo a Casa Branca.

Trump, um franco atirador, sai dessas eleições como um líder de uma massa de apoiadores fanáticos de uma maioria branca considerável, e descolado dos republicanos? Os democratas vão ganhar a eleição, (se ganhar a eleição!) com a esmagadora maioria de votos anti-Trump.

Trump monopolizou a democracia americana. Foi uma eleição de um candidato só. Uns votaram nele, outros contra ele. E depois da eleição ele como ou sem cadeira será uma força política que os EUA nunca conheceram antes: populista.

Trump dobrou a aposta. E compete hoje não contra um outro candidato do stabilisment, Trump compete contra a própria democracia americana. Ele é louco? Não, ele é um tubarão, ou melhor um abutre, que sentiu o fedor de podre de uma instituição falida, corrompida e apodrecida até a medula.

Trump, trump, trump. Tenho mais medo desse cara com a mão na maior maquina de propaganda de todos os tempos, do que os Clinton e cia, com a mão no botão nuclear. Embora entre pervertidos e ensandecidos igualmente capazes de explodir de vez o mundo é sempre difícil de escolher… e distinguir até entre quem é o pervertido e o ensandecido.

O circo da democracia americana não vai pegar fogo, o circo já esta pegando fogo. Governar, para o próximo presidente dos EUA será basicamente tentar apagar um incêndio. Mesmo Trump! Se Trump vier a ser presidente ela terá que lidar como os destroços deixados pela campanha e o mais importante com sua própria assombração, a do Trump candidato. Uma sombra impossível se escapar.

E se é uma sombra maldita para ele, imagine para ela? Se ela já não tinha nenhuma popularidade, imagine agora que foi demonizada. inclusive dentro dos EUA. Como eles governarão através dela?

Vão apostar em mais teorias conspiratórias e contra-conspiratórias???

Será que alguém pode avisar as múmias da CIA e cia, que esse guerra da informação do seculo passado não funciona sem a centralização dos veículos difusores de opinião. Será que alguém pode avisar esses idiotas que em rede quanto mais o poder central tenta se desqualificar como teoria conspiratória mais se alimenta a crença na conspiração.

Por isso teorias conspiratórias a parte, e a parte mesmo, porque puta-que-os-pariu, já estão apelando até para o protocolo dos Sábios de Sião! Clinton caiu em desgraça, devido muito mais aos atos dela, e dos senhores a quem serve, do que do palhaço fascista, da ditador russo, ou do anarquista da wikileaks.

Foi um erro fatal atacar o outro com um teto de vidro tão gigante, porque precisamente a campanha que era apenas um jogo sujo virou um jogo aberto sobre toda a sujeira.

Não há estrategia mais arriscada para perder, nem mais segura para se vencer sem ganhar nada do que essa: A do fogo contra fogo num pais que é em todos sentidos um paiol de armamentos, e contra um cara que não é um mais um franco atirador mas um piromaníaco.

Entretanto digo tudo isso mais por efeito retórico do que por acreditar que exista qualquer chance real de correção do curso dessa história, não por parte desses protagonistas. Somente o levante do platéia dessa sociedade do espetáculo poderia mudá-lo. Os produtores não vão trocar de protagonistas, nem de roteiro, nem muito menos de direção não depois de mais de 20 de plano estratégico em execução…

Então falarei do futuro como se esse ele já estivesse dado. E afirmo que o erro fatal “do establishment norte-americano” desde do 11 de Setembro agora se revela completamente no seu ápice nestas eleições:

Apostar no terror (a guerra); no horror (Trump) e na demonização do outro (qualquer um que não seja suficientemente americano) para se manter no poder nacional e mundial.
Fabricar o pior para parecer melhor, plantar o mal para se vender como o bem.

Não sei como vai terminar, mas com certeza, esse mundo se acabou. Esse modelo esgotado já. O grande problema é como ele vai cair, e o que vai ser *(im)posto no seu lugar…

Mas vamos com calma, ainda tem muita coisa que precisamos entender primeiro, como por exemplo : AFINAL O QUE O FBI QUERIA COM ISSO?

Será que o pessoal que controla a federal dos EUA deu a fatura como ganha e resolveu diminuir a impressão de que fizeram de tudo para Trump não ganhar?

Ou será o contrário desistiram de segurar as pontas da Hillary, e se renderam

Ou será, o contrário do contrário, estão agora com mais medo de com o derretimento do partido republicano Hillary pode ter o controle do congresso para levar adianta guerras que nem o capital americano quer investir?

Na resposta a essa questão, ou melhor nas informações que eles dispõe e que a nós só chegam como propaganda ou desinformação está a resposta que procuramos: Se Trump caiu ou não de vez? Se Teremos ou não uma surpresa quando se abrir as urnas americanas? Ou se eles estão mais perdidos que nós e não sabem mais que merda vai dar do que fizeram da America…

Conclusão…

Não leia essa parte se você não quer spoilers do filme os Imperdoáveis de Clint Eastwood , nem “teorias conspiratórias”…

Não sei se Trump vai ganhar, mas tenho certeza de uma coisa: a essa altura do campeonato, se Trump mão é louco só se finge, deve ser a pessoa que menos quer ver Trump na Casa Branca, agora. Se ele tem um minimo juízo ou mesmo não tendo, acredita mesmo no monte de teorias conspiratórias que prega, deveria a estar se cagando de ganhar. Porque se ele ganhar, vai conhecer o verdadeiro espirito americano, o verdadeiro espirito do Oeste… e não terá sido o primeiro…
Digamos assim:
Se Trump ganhar fará inimigos piores perdedores ainda do que ele.

Mas chega de papo com a palavra o espírito do Oeste:

E English Bob…

A single golf clap? Or a long standing ovation?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.