NO MEIO DE TUDO E DE TODOS

No meio de tudo e de todos, existe tu, Mariela.

E tua pureza, tua inocência que me conforta e acaricia.

No meio de tudo e de todos, existe tu, Mariela.

E o teu sorriso doce, tua delicadeza que me traz paz.

No meio de tudo e de todos, minha filha, teu cabelo cresce e a vida me faz ver isso enquanto embalo o teu sono.

No meio de tudo e de todos, minha pequena, tu adormece como um anjo, teus olhos fecham e te levam para o sonho.

No meio de tudo e de todos, tu existe, minha filha. E a vida me ensina que tudo passa quando temos um ao outro.

Conta comigo. Teu pai estará sempre do teu lado pra te acompanhar.

No meio de tudo e de todos.

Te amo.

M.

Porto Alegre, 7 de setembro de 2010

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Marcio Callage’s story.