ela derrubou,

com calma e sem intenção

a última flor, da última árvore

agora, no chão. permanece.

fria e desalentada. como o frio.

as flores, como o seu cabelo, me pareciam

brancas.

a cor branca me simboliza algo,

algo interpretado por mim mas nunca por ela.

talvez ela nem saiba a importância

da cor branca.

a cor branca é inacessível aos seus olhos.

seus olhos parecem a cor da última folha que permaneceu em seus cabelos.

voou.

para longe, nunca mais a vi.

mas a cor branca permanece em mim. mas não nela.

ó cores. tão cores. que me parecem adjetivos.

um dia, por mim, foi acessível.