Dieta Cetogênica (keto diet)

O objetivo da dieta cetogênica é melhorar a saúde e qualidade de vida através do metabolismo modificando o combustível celular primário. Modificando os combustíveis baseados em carboidrato(glicose) para combustíveis baseados em gordura e os próprios produtos da metabolização da gordura(corpos cetônicos) atingimos um processo metabólico chamado cetogénese, e um estado corpóreo chamado cetose.

Cetose

A cetose é simplesmente o metabolismo utilizando corpos cetônicos para criar energia ao invés de carboidrato ou açucares, o que é uma habilidade humana conquistada durante sua evolução e períodos de escassez de comida.

Estudos em andamento

Existem toneladas de pesquisas em procedimento e também pesquisas já realizadas na cura de doenças, pois os corpos cetônicos estão diretamente relacionados à vários efeitos benéficos ao corpo humano. O aumento da cetogénese é um tratamento eficaz para várias condições médicas pois a presença dos corpos cetônicos no sangue melhora nossa saúde em nível celular, especificamente na função das vias de energia celular e saúde mitocondrial. A dieta cetogênica é utilizada no tratamento de diabetes, epilepsia, autismo, alzheimer, cancer e outros.

Antes de ir mais fundo no assunto, vamos falar das contra indicações da dieta. Quem não deve adotar uma dieta cetogênica?

Indivíduos com as condições metabólicas a seguir não devem adotar uma dieta cetogênica:

- Deficiência de Carnitina
- Deficiência de Carnitina palmitoyltransferase 1 ou 2 (CPT)
- Deficiência na translocase de Carnitina
- Distúrbio de beta-oxidação dos ácidos graxos. (mHMGS)
Um defeito na transferase ou translocase, ou uma deficiência de carnitina pode prejudicar a oxidação de ácidos graxos de cadeia longa. Tal desordem tem de fato sido encontrada gêmeos idênticos que tem tido cãibras dores musculares desde a infância.” Prof. Dr. Luiz Antônio Gallo — ESALQ São Paulo

- Deficiência na síntese 3-hydroxy-3-methylglutaryl-CoA mitocondrial
- Deficiência da desidrogenase das acil-coa dos ácidos graxos de cadeia média, longa e curta(MCARD, LCAD, SCAD)
- Deficiência de 3-hidroxiacil-CoA desidrogenase de cadeias longa(LCHAD) e média
- Deficiência de piruvato carboxilase
- Porfiria

Note que a maioria destas condições são identificadas muito cedo tirando a porfiria que pode ser desenvolvida a qualquer momento.

Indivíduos com as condições médicas a seguir não devem adotar uma dieta cetogênica:

Converse com o seu médico antes de qualquer coisa!

- Histórico de pancreatite
- Doença da vesícula biliar
- Insuficiência hepática
- Digestão de gordura comprometida (má absorção em geral)
- Desnutrição
- Cirurgia bariátrica (Bypass Gástrico com e sem anel)
- Tumor abdominal
- Motilidade gastrintestinal disfuncional (pag 252)
- Histórico de falência renal
- Gravidez ou lactação

Efeitos colaterais:

Efeitos colaterais da dieta cetogênica

Benefícios:

Benefícios da Dieta Cetogênica

Precaução

Você deve checar com o seu médico se existem contra indicações para você(histórico de doenças e tudo mais). Contudo, entenda que a maioria dos médicos não possuem amplo conhecimento no campo da nutrição e seus efeitos no corpo. É extensamente frisado academicamente que a cetose é perigosa, resultado de um sistema de ensino desatualizado, uma pena. Fique esperto pois você pode levar um sermão assustador “CUIDADO COM A CETOSE”.

A cetose é normalmente confundida com uma outra condição totalmente diferente, a cetoacidose. A cetoacidose é uma preocupação comum em pacientes com diabetes tipo 1 e outras condições com problema para processar insulina corretamente. A cetoacidose geralmente se desenvolve em diabéticos com infecções graves, taquicardia, ou qualquer outra doença debilitante. É acompanhada de desidratação, hiperglicemia, e quando o paciente por algum motivo não consegue administrar as doses de insulina necessárias.

Para as pessoas interessadas em curar cancer com a dieta, conheça este livro. Existem diferenças entre uma dieta cetogênica normal e uma dieta com foco em tratamento de cancer.

Planos básicos de dieta cetogênica

Existem muitas formas de implementar uma dieta low carb, já a keto diet não muda muito, é basicamente alto consumo de gorduras moderado de proteínas e baixo carboidrato. A mais famosa dieta cetogênica é a Atkins diet. Muitas pessoas acham que a dieta cetogênica consiste de alto consumo de proteína mas não é bem assim, existem variações da dieta.

A chave para implementação correta da dieta é lembrar que você esta trocando alimentos com alto índice de carboidratos por alimentos com alto índice de gordura e moderado de proteínas.

Restrição calórica
A dieta cetogênica também não diz a quantidade de calorias você deve ingerir. A quantidade de calorias que você vai digerir independe da dieta, é um número determinado por uma série de informações coletadas do indivíduo em questão.

Já foi apontado pela ciência que a restrição calórica é um fator decisivo no aumento da longevidade humana. Como eu ja mencionei em vários posts, enquanto você esta comendo o seu corpo esta digerindo e metabolizando a comida, não sobra tempo nem espaço para reparar células e coisas do tipo. Não caia nesse blablabla de que você precisa comer para só então regenerar o músculo, não é bem nessa ordem que a coisa acontece.

Restringir a quantidade total de calorias que você vai consumir diariamente aliado a dieta cetogênica com certeza é um ótimo caminho para aumentar sua qualidade de vida, mas restrição calórica é pauta para outro post.

Como começar um plano de dieta cetogênica

Mesmo que eu tenha tentado condensar o máximo possível de informações neste post, vou sempre encorajar que você busque mais fontes, mais informação, e estude mesmo! O seu corpo não é brincadeira, você com certeza quer saber cada minúcia deste assunto ao invés de “deixar na mão de um especialista” mexer os pauzinhos pra você. Tudo o que eu trouxe de conhecimento até agora nesse post é ciência, não existe nada de “fulano disse” ou “saiu na mídia”, são todos conceitos e fatos adquiridos através de pesquisa que foram devidamente citadas ao máximo possível aqui.

Feito o “disclaimer”, vamos la:
O ponto de partida é entender tudo o que vai acontecer quando você diminuir a ingestão de carboidratos. A dieta cetogênica é muito poderosa em termos metabólicos e isso deve ser destacado mais ainda se você tem algum problema de pressão, diabetes, colesterol, ou triglicerídeos.

1. Comece a contar carboidratos
O google é seu pastor e nada lhe faltará, procure pelo valor nutricional dos alimentos e passe a controlar a quantidade de carboidratos que você vai ingerir diariamente.

2. Jogue fora tudo que é excesso de carboidrato
Dê uma “limpeza” na sua cozinha e jogue fora tudo estiver nesta lista aqui:

Alimentos ricos em carboidrato

3. Vá as compras
Vou te ajudar com uma lista básica de coisas que você deve comprar. Ter essas comidas em casa ao invés do biscoitinho e refrí é o que vai te fazer ficar dentro da dieta.

Alimentos de baixo carboidrato

4. A dieta não é uma dieta especial que necessita de comidas especiais
Você não precisa comprar coisas empacotadas como “low carb”. Comidas cetogênicas são simplesmente comidas naturais, reais, ou seja, o mais próximo do seu estado “in natura”. Fuja de comidas processadas, fuja ainda mais de comidas altamente processadas(refrigerantes, salsichas, embutidos, biscoitos, bolos, cereais, barrinhas, molhos prontos e a lista vai embora). Se você ainda não consegue retirar o açúcar completamente, procure adoçantes mais “bacaninhas”.

5. Esteja preparado para gastar mais tempo na cozinha
Este é um ponto importante. Cozinhar é um processo que todo ser humano deveria participar, é seu próprio sustento, e hoje, até isso foi “terceirizado” em nossa sociedade. Essa comida real de que falei acima vai precisar ser cozinhada, e aprendendo a cozinhar você vai descobrir o quanto os alimentos naturais podem ser saborosos.

6. Planeje suas refeições
Isso vai te ajudar a saber “o que” vai precisar comprar e quando comprar. Além disso, o fator psicológico de pré-definir o seu jantar vai facilitar você não fugir do salmão com brócolis para o pacote de biscoito.

7. Troque hábitos antigos por novos hábitos
Se você esta acostumado a comprar pão todo dia de manhã, troque pelo hábito de preparar um bom café em casa e comer com ovos mexidos por exemplo.

8. Hidrate-se
Com a diminuição da ingestão de carboidratos seus rins vão começar a expelir o excesso de água retida necessária à sua dieta anterior alta em carboidratos. É importante repor esta água que esta sendo expelida. A velha regra de 6–8 copos de água é boa, mas o ideal é você não sentir mais sede, pois quando sentimos sede não é corpo nos dizendo “ei, vamos precisar de água” e sim “cara, ja estamos sem agua faz um bom tempo será que você poderia tomar alguma?”.
Se você estiver sentindo dores de cabeça ou cãibra, provavelmente precisa de mais água e minerais como sal, magnésio, e potássio. A perda de água leva também a perda de minerais.

9. Fique loge de comidas açucaradas
Dã. Isso é meio obvio mas vou colocar aqui.

10. Situações sociais
Elas vão acontecer, não tem como evitar!
Não acho que uma vez ou outra (uma vez por mês no máximo) vá destruir o seu plano de dieta, mas fica ao seu critério o quanto importante é tomar aquela cerveja ou atingir seus objetivos de saúde e bem-estar.

11. Não fique se pesando o tempo inteiro
Iniciando uma dieta cetogênica para emagrecimento o seu peso pode variar em até 1.8kg diariamente. Seja por aumento ou perda de água…
Foque no espelho, este é quem vai te dizer se você esta realmente emagrecendo.

12. Seja forte e resista ao açúcar.
Você vai passar por períodos de abstinência ao açúcar igualmente intensos aos enfrentados por dependente químicos. Comer é psicológico, antes da necessidade real do alimento, existe uma descarga hormonal por trás. Seja inteligente e suma com o besteirol dentro de casa, é impossível ser saudável vivendo em meio não saudável.
Peça ajuda aos seus familiares e amigos, você vai precisar, pois se eles ficarem contra você é tudo muito mais difícil.

Fonte:
http://www.ketogenic-diet-resource.com/ketogenic-diet-plan.html

Utilize uma calculadora para descobrir os seus macros numa dieta cetogênica:
http://ketocalculator.ga