Uma grande banda sonora

Esta semana fui ver, ao Cinema Ideal, um dos melhores filmes a que assisti nos últimos tempos — “Hell Or High Water” (“A Qualquer Custo”, em português). Realizado por David Mackenzie, tem soberbas interpretações de Chris Pine, Jeff Bridges e Ben Foster. É um western contemporâneo, com roubos a bancos, índios que agora são polícias e o inevitável petróleo do Texas. Cabe aqui dizer que o Cinema Ideal é a sala ideal para ouvir filmes com boas bandas sonoras — não há barulhos de pipocas mastigadas nem de coca colas aspiradas — por isso é que gosto de lá ir. Numa outra sala talvez esta banda sonora, composta por Nick Cave e por Warren Ellis causasse menos efeito, mas nesta sobressai. Algumas bandas sonoras não vivem fora dos filmes, ou vivem mal; outras são um repositório de canções adequadas a cenas de beijos, de cama ou de pancadaria, mas não passam de uma miscelânia. Esta entrou na alma do filme e tornou-se minha companhia regular no Spotify. Warren Ellis foi um dos Bad Seeds, a banda que acompanhava Nick Cave, e os dois já fizeram uma dúzia de bandas sonoras — desde para a representação teatral de “Woyzeck”, passando por vários westerns como este, ou pela série “Mars”, da National Geographic que recentemente foi exibida em Portugal. A banda sonora de “Hell Or High Water” tem nove temas originais compostos por Cave e Ellis, e permito-me destacar “Robbery”, “Lord Of The Plains”, “Casino “ e “Comancheria”. Depois há meia dúzia de canções muito bem escolhidas de nomes como Townes Van Zandt, Ray Wylie Hubbard, Waylon Jennings, Colter Wall e Christopher Stapleton, entre outros.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Manuel Falcão’s story.