Onde o amor está?

O amor está na chuva forte que te surpreende num engarrafamento voltando pra casa.

O amor está na lanchonete aberta um pouco mais além do horário só porque você chegou atrasado, perguntando “Ainda dá tempo pra só mais um pedido?”

O amor está em procurar instruir ao invés de denegrir. Aconselhar ao invés de criar piadas ofensivas.

O amor está em se amar, de dentro pra fora, genuinamente.

O amor está na raiva que te faz crescer; nos "males" que só te fazem bem.

O amor está em não se castrar para seguir padrões estabelecidos como certos por uma sociedade eternamente embrionária.

O amor está em não se achar o centro de tudo, mas uma parte do todo.

O amor está na cama quente devido a chuva lá fora, nas mãos e rostos colados a ouvir os pingos caírem no chão.

O amor está na gentileza, no aceitar as diferenças, no reprimir as ofensas.

O amor está no sorriso, mesmo quando o momento não é dos melhores.

O amor está no otimismo de esperar e no desejo de mudança que nos surge de tempos em tempos.

O amor só está pra quem quer ver. Justamente por ser amor, ele nunca te forçará a enxergá-lo.

Pra você, onde o amor está?

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.