Podcasts: engajamento e monetização em crescimento

Por Michelle Oliveira

Agradecemos a Roberto Camara Jr., viciado em podcasts e dono da lista no fim desse post, pelo apoio na elaboração desse texto, nos indicando materiais sobre o assunto.

Quem já teve a oportunidade de aprender novas palavras de uma língua ou ouvir histórias incríveis enquanto estava a caminho da faculdade ou do trabalho, sabe a força que o podcast tem. É considerado por muitos o sucessor do rádio (que tem um Dia Mundial em sua homenagem declarado pela UNESCO, provando que o pai mais velho ainda tem sua importância no acesso à informação).

Os podcasts já existem há algum tempo, mas foi apenas nos últimos 3 anos, mais ou menos, que começaram a ganhar destaque no Brasil (ao mesmo tempo em que tivemos aumento na venda de smartphones). O nome vem da junção de iPod com broadcast, “transmissão” em inglês, e é, basicamente, um conteúdo em áudio distribuído através da internet.

Associado à ideia de ser escutado em paralelo à execução de outras tarefas, o conteúdo em áudio pode ser encontrado com milhares de temas (tecnologia, política, cultura, ficção etc) e modelos (bate-papo, entrevista, narrativa etc). No Brasil, o Dia do Podcast é comemorado em 21 de outubro, quando o primeiro programa foi ao ar no país, em 2004.

Engajamento, publicidade e monetização

O podcast, ao contrário do que muita gente pode pensar, é capaz de gerar grande audiência e engajamento. Segundo a PodPesquisa 2014, 24,8% das pessoas entrevistadas ouve podcasts há mais de 4 anos. 53,27% e 35,51% descobriram o primeiro podcast através de indicações online (blogs, sites e portais) e de amigos, respectivamente.

Existem diversos grupos na internet sobre podcasts. No Facebook, um dos maiores se chama “Podcasters BR” e reúne produtores e ouvintes.

Esse engajamento é fundamental para empresas e produtores de conteúdo. Mais da metade dos entrevistados da PodPesquisa afirmaram já ter comprado produtos e serviços indicados em podcasts mais de uma vez e preferem quando a propaganda tem a ver com o tema do programa.

No Brasil, já temos exemplos de podcasts com audiência de milhões de pessoas utilizando divulgação, assinatura e venda de produtos através de loja online como forma de ganhar dinheiro.

O site PodCasting Brasil agrega conteúdo de empresas como a Fleury, da área de medicina, que tem um podcast sobre saúde. Além disso, muitas empresas se aproximam do público através de patrocínio, como em vários episódios do podcast Café Brasil.

Temas variados e com qualidade onde e quando quiser

Graças à possibilidade de baixar os podcasts, e não apenas ouví-los em streaming, online, o conteúdo em áudio é consumido em grande parte no trânsito, através do smartphone, mas a porcentagem de quem ouve em casa e no computador ainda é alta, segundo a PodPesquisa.

Os temas são variados. Humor e entretenimento, televisão, séries, cinema, games e tecnologia são os mais comuns, mas também existem podcasts sobre política, negócios, religião e muitos outros.

A maioria dos ouvintes de podcast procuram entretenimento nos programas. Qualidade técnica e utilidade do conteúdo também são pontos para fazer sucesso com o conteúdo em áudio.

A super-lista de podcasts de Roberto Camara Jr.

Roberto Camara Jr., consultor em mídias sociais, compartilhou uma lista com podcasts nacionais e internacionais sobre diversos temas, como design, política, história, ciência, música e muitos outros. A tabela é um trabalho em andamento, está em construção constante e Roberto aceita sugestões (Twitter/Facebook).

Clique aqui para acessar.

Você costuma ouvir podcasts? Qual o seu preferido?