As verdades que o mercado brasileiro -e você- precisam ouvir sobre Big Data.
Allan Sene
963

Usando um exemplo que me foi dado a poucos dias, cientista de dados hoje tá sendo o que “Programador” era lá na década de 90, é “O PROFISSIONAL”, dominador de tecnologias, presente em todos os tipos de vagas para jedi do mercado. Mas vejo que conforme o interesse pela área cresce, cresce também o entendimento geral da área por parte de todos, incluíndo os gerentes e responsáveis de RH que montam requisitos de vaga com base em uma pesquisa no google.

Texto muito interessante, espero que a gente consiga passar essa visão para mais pessoas, facilitando a entrada de pessoas na ciência de dados (e fazer com que as pessoas SAIBAM que existe o papel de engenheiro de dados, o que aparentemente não tá acontecendo) e evoluíndo essa área que quanto mais conheço, mais me interesso. E ganhou um seguidor também :P

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Matheus Dal Piva de Lima Mohr’s story.