Trabalho de Filosofia Castro Alves

Nesse vídeo Gabriel e Eu fizemos um parâmetro entre o jogo e o inconsciente e, entre o consciente e o jogador. Pode-se perceber uma resposta linear que começa do jogador que, passa pelo controle e que, depois a mensagem chega ao jogo. O jogador somos nós, o controle é as regras a qual a sociedade nos impõem e, o jogo é o nosso inconsciente (metaforicamente falando). Assim temos como base de nossas ações uma atividade cognitiva que faz uso da moral para nos fazer pensar antes de agir. Porém algumas vezes quando nos deparamos com situações inesperadas o nosso inconsciente(que hipoteticamente corresponde a 90% do nosso cérebro) age mais rápido do que a barreira moral, e isso devido ele ser predominante.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.