Dez

E depois da despedida 
Eu virei as costas 
Abaixei a cabeça 
E comecei a andar

Refiz meus passos 
De volta pra dentro 
Sem em qualquer momento 
Olhar pra trás

Fiquei pensando, no entanto 
Será que é assim 
Que todo mundo sente 
Será que é?

Será que olham pra trás 
Esperando encontrar meus olhos 
E encontram somente 
Meus cabelos azuis emaranhados?

Será que tem os olhos marejados? 
Será que sofrem? 
Uma passo atras do outro 
Pensava.

Mas olhar pra trás 
Eu não olhava.

Não olho.