Um pouco de sensatez nesse universo insano do coaching.
Larissa Zeggio
302

Perfeito seu ponto de vista Larissa! Partilho do mesmo sentimento e concepção sobre esse cenário.

Acredito que o problema não esta no acesso a formação, mas como esta sendo “comercializada” e da forma como vem sendo difundido o coaching.

Coaching não é uma profissão, acredito ser um título por ser diplomado e mais uma ferramenta para apoiar profissionais capacitados , que já atuam ou tem formação, utilizando o processo como mais um recurso dentro do contexto de desenvolvimento humano.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.