…ainda que eu tente descrever em palavras, idioma nenhum é capaz de traduzir o que minha alma está gritando desesperadamente.

Viver os dias por alguém que não se importa com seus sentimentos, é bem mais que uma eternidade repleta de torturas e inquietações. Não consigo para de pensar na possibilidade de um dia ter deixado você e acordar todos os dias sabendo que você não está comigo e que eu simplesmente não pude fazer nada para mudar essa conjuntura injusta e completamente faltosa. Gostaria que quem lesse essa carta sentisse um pouco do que eu sinto todas as vezes que acordo e experimento o vazio do seu travesseiro ao meu lado. Gostaria que as pessoas sentissem o quanto é complicado sorrir, quando o principal motivo de toda a alegria foi silenciado pela a mais injusta e suja forma do silêncio.

Não quero bancar a vítima nem mesmo me fazer de coitado, depois de tanto tempo e eu ainda sofro a perda da única pessoa que me fez sorrir sem ter que fingir, sem ter que abrir mão da simplicidade de um abraço, sem ter que dizer sim quando na verdade o não é a minha resposta mais verdadeira, queria não mentir quando me perguntam como foi meu dia ou dizer a verdade quando me perguntam se estou bem. Mas ainda que eu tente descrever em palavras, idioma nenhum é capaz de traduzir o que minha alma está gritando desesperadamente.

Esta será a ultima vez que dedico uma carta que nunca chegará a seu destino. Cansei-me de chorar lágrimas em vão. Mas isso não muda o fato de que você foi quem realmente mereceu toda minha proteção, todo meu lamento e toda minha alma. Algum dia estaremos juntos novamente e isso pode mudar, mas enquanto isso, fique com minhas ultimas palavras. Tentei incansáveis vezes pensar em alguma maneira de te esquecer. Tentei encontrar alguém para tomar seu lugar, mas pra mim, não há pessoa no mundo capaz de me fazer sentir o que senti quando estava com você. Não quero lamentar nossa história, porque isso seria um insulto a sua memória e a tudo que passamos juntos. Mas o que me aborrece. é saber que não há nada que possa ser feito para mudar o ocorrido e muito menos trazer você de volta.

Sinto muito pelas vezes que você precisou de mim e eu estive ausente. Não fui capaz de ser quem eu prometi ser, nem fui capaz de olhar em seus olhos pela última vez e me despedir. Essa culpa me atormenta todas as noites e antes de dormir me pergunto com seriam as coisas se você ainda estivesse aqui.

Mas eu sei que algum dia, talvez não muito distante, eu poderei te ver e talvez te falar cada palavra que escrevi aqui. São palavras sofridas e vindas do mais profundo e cansado coração, que depois de todo esse tempo chora porque não tem você por perto e ainda que eu fosse capaz de voltar no tempo para mudar essa tragédia, meus esforços seriam em vão, pois, eu sei que eu não tenho tal capacidade e nem terei a chance de fazê-la acontecer. Mas quero que saiba da minha profunda tristeza de não viver em um mundo onde você não existe.