Enfim

Ei moço
Enxuga esse teu rosto
Que o pior já passou

E não esquece
Para de romantizar 
Quem te maltrata
Porque ele não merece
Esse teu raiar

Se tu soubesse
Como o teu sorriso é lindo
Não faria cena
Faria poema
Desse teu jeitinho
E eu
Carinho

Ei, olha pro espelho 
Bagunça o teu cabelo 
Vê que no teu olhar 
Cabe o mundo inteiro 
E no teu peito
Cabe todo o sentimento
Do teu amor, por ti, enfim

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.