Hora dos negócios locais pensarem na presença online

Hora de pensar em sua presença online

Desde o começo do ano, as principais redes sociais estão implementando verdadeiras revoluções em suas plataformas.

E talvez, mesmo contradizendo o que o título desse artigo diz, já tenha passado da hora dos negócios locais pensarem nas mídias sociais de maneira mais séria.

Já é comprovadamente detectado que aquela história de postar mensagens bonitinhas, compartilhar posts engraçados, publicar uma ou outra oferta em grupos, ou fazer spam na linha do tempo dos amigos do perfil não funciona.

Teve um tempo em que eu ia fazer uma proposta para um comerciante local sobre criação de um site ou loja virtual para o seu negócio, e ele me respondia com muito orgulho “já tenho um perfil da minha loja no Face.” Como se isso fosse sinal de presença online garantida.

Presença Online é Fundamental

Como, no Brasil, as pessoas demoram a acordar para certas tendências, talvez para a maioria delas, essa é mais uma das coisas que os empresários locais precisam começar a dar atenção. Digo começar, porque realmente, se você ainda não deu atenção a presença online da sua empresa, você está perdendo terreno para o seu concorrente.

Bill Gates disse, e não acho que seja exageradamente, que “se a sua empresa não está na internet, então ela não existe.”

Meu amigo Erick Salgado disse um dia: “O boca-a-boca pode te fazer alcançar alguns clientes. A internet te faz alcançar milhares deles.”

Se a sua empresa não está na internet, então ela não existe. — Bill Gates

Agora, se você acha que essas afirmações não tem sentido, responda você mesmo essa questão: há quanto tempo você não usa — e talvez nem receba- uma lista telefônica? Provavelmente, tudo o que você precisa, busca na internet, se não no Google, em qualquer outro buscador. E se não é você que busca, porque você odeia computador, sua esposa, seu filho, seu sobrinho fazem isso por você.

O boca-a-boca pode te fazer alcançar alguns clientes. A internet te faz alcançar milhares deles.- Erick Salgado

E o que te faz pensar que os seus clientes (ou os do seu concorrente) agem diferente?

Então, se você pretende continuar alavancando seu negócio, você precisa de presença online.

E presença online é muito mais do que ter um perfil com 1000 seguidores do Facebook. Até porque, meu amigo, se você tem um perfil para o seu negócio na rede social do Zucka, você está contra as regras da mesma. Mas, isso seria assunto para um outro artigo.

Dias atrás eu estava em um hangout com o Vítor Palandi, uma das maiores autoridades do Brasil no que diz respeito a geração de conteúdo para blogs e ele disse algo sobre presença digital que me fez aplicar na minha relação com negócios físicos: “você precisa ser visto”.

Sim, você precisa ser visto em todos os lugares onde as pessoas olham. Elas precisam olhar para o Facebook e ver que você está ali. Quando ela for “amar” fotos bonitinhas no Instagram, ela precisa te enxergar ali. Quando ela for enviar um email, e acidentalmente entrar no Google+, ela precisa te sentir ali perto. Se ela for buscar inspiração no Pinterest, lá está você de novo.

Não se trata de ser chato, espalhando inadvertidamente suas propagandas, mas sendo relevante na vida das pessoas que precisarão dos seus produtos e serviços em algum momento.

E essa presença online, ou presença digital não é necessariamente estar em todos os lugares pra todo mundo, mas estar no lugar certo onde seu público certo estará, e se tornar autoridade na cabeça desses caras.

Então, o ideal é pensar em sempre oferecer conteúdo de altíssimo valor relacionado ao seu negócio.

Um exemplo prático: você tem uma loja de queijos e vinhos em um bairro de Porto Alegre, e não tem intenção de ter uma loja virtual, por questões de logística mesmo. Você quer vender para as pessoas do seu bairro e de bairros vizinhos. Você precisa de presença online? A resposta é SIM, em letras garrafais mesmo.

Por alguns motivos, mas elenco os principais. Primeiro: seu potencial cliente precisa lhe encontrar onde ele buscar. Se ele buscar por vinhos no Google, ele precisa te achar na área de negócios. Se ele estiver navegando no Facebook, e estiver buscando algo para oferecer aos convidados de um jantar, ele precisa encontrar você. Se ele estiver em dúvida sobre um presente enquanto “ama” fotos no Instagram, você pode ter a sugestão que ele precisa.

Se o teu cliente te procura no Google, ele precisa te encontrar aqui.

O segundo motivo é que seu potencial cliente com certeza está buscando por comodidade. Então, que tal permitir que ele te encontre através do Facebook Messenger. E aqui, entra a frase com a qual iniciei este post. Uma das revoluções que está mais latente nas redes sociais é a transformação do Messenger em uma plataforma de negócios. Porque seu cliente vai ter que pegar o telefone e ligar pra você se ele pode te encontrar no aplicativo do Smartphone, e enviar mensagem diretamente para o inbox de sua Fanpage?

Com as novas funções do Messenger, você pode inclusive programar mensagens para que seu cliente receba automaticamente quando você estiver ausente, pode ter um código e um link que leva direto para a área de mensagens privadas.

Com as novas tendências, é essencial que você busque aumentar a sua presença online. E, como meu foco aqui são realmente negócios locais, sim, é importante que você se faça presente onde seu público está.

Lembre-se de não ser aquele comerciante chato, que demonstra que tudo o que quer é vender. Você precisa estabelecer um relacionamento com essas pessoas. Não esqueça que todo o cliente é uma pessoa, e que as pessoas hoje não querem mais ver propaganda saltando na sua frente. Elas querem comprar de marcas que se relacionam com elas. Que as tratam como pessoas.

Vale lembrar também que presença online não é sair espalhando sua propaganda por aí. Hoje, você precisa de uma verdadeira estratégia que vai unir o seu site com seu blog, seu blog com as redes sociais, os buscadores com seu site, as redes sociais com a sua marca, enfim. Presença online e estratégia são palavras que não se separam.

Mesmo os moradores do seu bairro precisam te ver na internet. Então, meu amigo, você tem dois caminhos: ou você cria presença online ou perde seus clientes para o seu concorrente, que estará fazendo isso.

Para saber mais sobre presença online para negócios locais, visite o blog abaixo.

Um grande abraço e até a próxima. Teve informações relevantes nesse artigo? Clica no coraçãozinho abaixo.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.