Desabafo

Eu não espero que você leia isso,

Não espero que entenda, ou que se comova

Mas sinto que deixei muitas coisas a serem ditas

Então resolvi escrevê-las para me sentir melhor

Sabe quando você saiu e não me disse?

Aquilo doeu

Sabe quando você me contou que estava confuso?

Aquilo doeu demais, foi um tipo de dor que eu nunca tinha experimentado

Me passou tantas coisas pela cabeça, como eu poderia fazer você ficar

Como eu poderia fazer você me amar de novo

A chama já tinha apagado e eu era a única que não via

Eu não queria ver, e ficava tentando desesperadamente reacendê-la em plena neve

Eu não tinha mais a lenha

Eu só queria que isso não tivesse acontecido

De certa forma sinto que nunca irei superar, e tenho medo de nunca conseguir seguir em frente

Do momento em que você disse que não queria mais, o meu chão sumiu

O meu ar sumiu

E eu me vi completamente sozinha no mundo

Eu sigo todo dia dizendo pra mim mesma que eu sou forte e que eu estou bem

Mas ao contrário de todos, eu não acredito nisso

Eu me arrependo de todas as coisas que ficaram por ser ditas

De todas as coisas que eu queria ter falado e feito

E eu sei que não deveria estar dizendo isso agora, mas

Todas as noites eu quase te ligo, me pego digitando mensagens infinitas só pra te dizer

Que pra sempre vai ser você, onde quer que você esteja

Com quem quer que você esteja.

Eu sei que nada dura pra sempre, e nada se mantém igual

Mas no momento eu não consigo parar de me sentir assim

Todos os dias eu fico sonhando em te encontrar, só pra ver como você está

Mas eu sei que se eu te encontrar vai ser pior pra mim

Vai doer

Talvez eu tenha te sufocado demais, não sei onde foi meu erro

E agora é muito tarde pra consertar

Eu só precisava dizer todas essas coisa que ficaram guardadas comigo por esse tempo

Photo by: Dave Meier

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.