Penso, logo existo

Há tempos eu queria criar um blog para escrever meus pensamentos.
Penso muito. Penso demais. Penso além do necessário.
Já dizia Platão que nossa existência se prova pelo pensar. Mas o que fazer quando se sente os pensamentos transbordando de sua mente?
A ideia de um blog me veio à cabeça faz muito tempo, e há alguns meses um dos meus melhores amigos me sugeriu que eu escrevesse. Hoje, enfim, a enxurrada de pensamentos afogou minha inércia e aqui estou.
Esta sou eu comprovando minha existência.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.